Matões: Pesquisa não registrada e Gilmar Almeida poderá não ser o vice de Gabriel Tenório



Na manhã desta segunda feira, (27), os matoenses foram surpreendidos por uma pesquisa do Instituto Aferir. Entramos no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e não encontramos registro da pesquisa. Uma das perguntas dizia: se a ex-prefeita Suely apoiasse um candidato, se você votaria nesse candidato, questionamento estranho a essa altura do campeonato.

Também circula nos bastidores da política matoense que o Vereador Gilmar, que agora é PDT, partido de Rubens Pereira, poderá não ser o vice de Gabriel Tenório.

Segundo a rádio pião, pesquisas feitas recentemente tem colocado o nome da filha do ex-deputado para apreciação na vaga de vice de Gabriel Tenório. Gilmar foi filiado no PDT e agora sua vida política está nas mãos do Rubão.

Levando em consideração as últimas mentiras contadas pelo pré-candidato da oposição, como a que não se juntaria com Rubens, é difícil acreditar que Gilmar será vice na chapa de Gabriel, como eles dizem.

Há quem diga que se Gilmar não for o vice de Gabriel Tenório, a debandada será grande, provocando um grande racha no grupo de oposição. Dá para acreditar?


Postar um comentário

1 Comentários

  1. Com o caráter que é detentor o senhor Gilmar, se for verdade essa situação, ele poderá segurar na mão do GRANDÃO, pois será respeitado como merece.

    O que mantém o GGP é o Gilmar, esse nunca foi balança (o grupo 58, só tem compromisso, com permanecer no poder).

    ResponderExcluir