Matões: Primo de Gabriel Tenório na "Lista de Fichas do TCE"; confira


O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão já disponibiliza em seu site a relação de gestores com contas reprovadas que compõe a popularmente conhecida “lista de fichas sujas” para as eleições municipais 2020.


Durante anos uma figura carimbada em todas as listas era o ex-gestor Gilberto Oliveira Tenório (já falecido), que é avô do pré-candidato Gabriel Tenório


Agora, seguindo o mal exemplo de gestão pública, foi a vez do ex-vereador Gilbertinho Tenório, primo de Gabriel Tenório, ter suas contas reprovadas pelo TCE.


Segundo apurou o Blog, em pesquisa junto ao site do TCE, o primo de Gabriel, que ocupou a Presidência da Câmara de Vereadores no biênio 2013/2014, teve as contas da Prestação de Contas do exercício financeiro 2013 reprovadas, tendo sido condenado pagar multa e devolver recursos públicos para os cofres municipais.


Dentre as várias ilegalidades apontadas pelo TCE, consta prática de ato de gestão ilegal, ilegítimo ou antieconômico, ou infração à norma legal e regulamentar de natureza contábil, financeira, orçamentária, operacional ou patrimonial e dano ao erário decorrente de ato de gestão ilegítimo ou antieconômico, irregularidade no processo licitatório para reforma no prédio da Câmara, no total de R$ 78.007,95ausência de processo licitatório referente à assessoria e consultoria contábil, no total de R$ 43.200,00.


Na decisão que condenou Gilbertinho Tenório, o Tribunal de Contas ainda determinou o envio de cópias à Procuradoria do Município de Matões para cobrar os valores do ex-Vereador, bem como ao Ministério Público, que deverá apurar a prática de crime e de ato de improbidade administrativa pelo primo de Gabriel Tenório.

Postar um comentário

0 Comentários