Parnarama: Raimundo Silveira x Professores - Blog do João Victor Oliveira

Últimas Notícias - Plantão

5 de julho de 2018

Parnarama: Raimundo Silveira x Professores

Prefeito de Parnarama, Raimundo Silveira.

Mais uma notícia ruim se expande na vizinha Parnarama acerca da gestão do prefeito Raimundo Silveira. Desta vez, alegando dificuldades financeiras, o prefeito apresentou projeto na Câmara Municipal que segundo o Sindicatos dos professores, retira várias conquistas da categoria.
             
Se aproveitando do jogo do Brasil na copa do mundo contra o México, o prefeito mandou os projetos que eram para ter sido lidos na sessão da última segunda-feira (2), mas os professores e a oposição na casa se mobilizaram e conseguiram impedir a leitura que possibilitava ser votado numa sessão seguinte. Na sessão houve muita discussão entre os vereadores governistas e da oposição (veja vídeo acima).

“O prefeito diz que a prefeitura está quebrada e em situação financeira muito ruim, mas não tem transparência. Já pedimos que nos mostre as contas, revelando quanto gasta e quanto recebe para manter a educação, mas nada de nos mostrar”, contou ao eliaslacerda.com o professor José Neto, secretário do Sindicato dos Professores de Parnarama.

O sindicalista informou que a Câmara Municipal entrou de recesso, mas nos bastidores há informações de que o prefeito Raimundinho Silveria, se utilizando mais uma vez de um jogo do Brasil na copa, está mobilizando sua base para convocar uma sessão extraordinária para a próxima sexta-feira (6) para aprovar o pacote de maldades que tira conquistas dos servidores. Os funcionários da educação estão atentos e prometem se mobilizar mais uma vez para evitar o projeto.

Nesta semana o sindicato publicou nota repudiando os projetos enviados ao legislativo. Leia abaixo:



PARNARAMA: JOGO SUJO NA COPA
Prefeito X Servidores Públicos

O prefeito de Parnarama, Raimundo Silveira (PROS), enviou para a Câmara de Vereadores 3 (três) Projetos de Lei para serem votados, justamente no dia do Jogo das oitavas de finais, entre Brasil e México, Quinta, dia 02. Os projetos estão sendo chamados pelos professores e demais servidores, de PROJETOS CRIMINOSOS.


Segundo o presidente do sindicato da categoria (SINPROSEMP), Manoel Dias Viana Júnior, “Os referidos projetos revogam todos as vantagens dos professores contidas no Plano de Carreira do Magistério, que resultaria numa remuneração de simplesmente o salário mínimo. Além de afrontar a Constituição Federal, diminuindo as férias dos professores, de 45 para 30 dias”.

Com o mesmo fim, revogam artigos do Regime Jurídico do Servidor Público, que retiram vantagens dos servidores, inclusive dos aposentados.

O prefeito aproveitou o dia do Jogo da copa para votar os projetos. Orquestrado e em conluio com os vereadores da base, Bruna Moura (presidente da Câmara) e Miguel do Tiririca, Ricardo Barbosa, Joílson Soares, Elias Cardoso, Régis do Brejo, Antônio José do Mestre e Lanis do Olho D’água, fizeram de tudo para aprovar o “projeto-crime”.

Felizmente, não foi votado! Mas, não o fizeram, por causa da intervenção do sindicato, que convocou às pressas os professores, bem como por causa dos vereadores da oposição, que brigaram bravamente em favor dos professores e demais servidores.


Com informações do Elias Lacerda

Postagens mais visitadas

Pages