Compartilhe este post
Notinhas da Tarde


Caso “Parrate” 1
No badalado grupo de política de WhatsApp de Matões, Plenário Matoense, especulou-se uma adesão ao grupo Pereira-Coutinho. Seria a “volta” da família Parrate ao grupo governista. Assunto esse, que agitou os bastidores da política local, deixando até integrantes oposicionistas em ‘fúria’.

Caso “Parrate” 2
No mesmo grupo de WhatsApp. O filho do patriarca da família Parrate, Gilson Parrate, põe fim as especulações sobre adesão. Segundo ele, a família está fechada com o líder da oposição, o advogado Gabriel Tenório. “Agora a hora é do Gabriel. Foi lá onde encontramos apoio”, disse.
E aí, vai ou não?

Não podem estar juntos
Nas tradicionais rodas de conversas em Matões não se fala em outro assunto: A falta de entendimento entre secretários e vereadores. Há quem diga que, um certo secretário e um certo vereador não podem estar juntos. Pois, o risco de faísca é grande, eles não se entendem em quase nada. Nas redes sociais é alfinetada pra lá e pra cá.   

Faltou? Não justificou, do desconto comeu!
A falta de um médico que deveria estar de plantão na noite da virada de ano no Hospital, causou dor de ‘cabeça’ para os gestores da pasta. O que teve de gente descendo a “lenha” no secretário de saúde e demais responsáveis pela gestão da saúde não foi brincadeira. Diversas pessoas opinando sobre o assunto, até que a primeira-dama tratou de pôr panos quentes na discussão. Ela deu todas as explicações necessárias aos mais afoitos, e, deu a entender em seus comentários que se não compareceu ao trabalho sem justificativa, a falta vai comer...  

Gabriel ausente...
Algumas lideranças políticas de Matões marcaram presença na festa de confraternização organizada pelo deputado Alexandre Almeida, o editor deste blog foi informado que o líder oposicionista, Gabriel Tenório, não esteve presente. Ao que tudo indica, aquele capital político que o deputado teve por Matões, já não tem e nem irá ter. Paulo Marinho Jr e Adriano Sarney devem ser os felizardos. Talvez percebendo a enorme chance de “topar” com a porca nessa eleição, o deputado esteja de olho numa cadeira no Senado. Parece que o deputado está bombando em todo Maranhão, pois sair de deputado estadual para senador não é para qualquer um.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Mais visitadas na semana:

ClioHost